Fatos estranhos (ou engraçados) da minha gravidez

Contarei alguns fatos (meio estranhos ou engraçados, vai da interpretação de cada um, rs) sobre a minha gravidez, coisas que as pessoas nos falam mas que cada grávida sente da sua maneira, logo resolvi colocar pra vocês a minha experiência e quem sabe você também tenha passado ou pensado da mesma maneira que a mãe de primeira viagem aqui.
foto-minha-barriga-gravida

– A primeira mexida do bebê pra mim pareceu gases, difícil explicar, parecem bolhinhas explodindo na barriga. Vamos combinar que é terrível pensar que você ficará na dúvida se é o seu lindo bebê se mexendo ou um “pum” dando uma volta na sua barriga;

– Todo mundo fala sobre a vontade de fazer xixi toda hora mas não te contam que em uma só noite você poderá levantar CINCO VEZES pra ir no banheiro em um período de 7 horas;

– Possivelmente terá uma constipação intestinal ferrada e morrerá de medo de adquirir uma hemorróida que é super comum em grávidas;

– Vai morrer de saudade de dormir largada de bruços e vai pensar nisso assim que deitar na cama sem o bebê na barriga, mas vale dizer que mesmo depois os peitos cheios de leite não deixam (pelo menos no meu caso);

– Tem dias (tem gente que sente isso a gravidez toda, eu tive só alguns episódios – ainda bem porque sem esses episódios eu engordei 16kg no total, imagina com eles!) que você tem uma fome de um habitante da Etiópia, que não adianta comer pois parece que tem um buraco negro na sua barriga e NADA irá satisfazê-la;

– Que eu não iria gostar muito da pergunta que trocentas pessoas fazem toda hora: “como está o bebê?”, enquanto não sentisse ele mexer pois, vamos combinar… não tem como saber se as coisas estão bem mesmo! E que isso me tornaria uma compulsiva por ultrassons até que ele começasse a mexer e assim eu ficasse mais tranquila;

– Morreria de curiosidade de saber o sexo mas… quando soubesse continuaria com receio de alguém ter errado e só acreditaria mesmo depois de ver o documento (também no meu caso) em 3D;

– Muitas pessoas acreditam que você fará 9 meses e como um passe de mágica o bebê nascerá no mesmo dia ou no dia seguinte (isso mais entre os homens), elas não sabem que a gestação é contada por semanas e que pode durar até 10 meses!

– Senti muita dó dos soluços que ele tinha na minha barriga, mesmo sabendo que não são como os que a gente conhece, esses são para treinar o aparelho respiratório dele e indica que está tudo bem com o bebê;

– E por último, mesmo tendo seu bebê lindo agora do lado de fora… olhará as fotos da sua barriga grandona, linda e morrerá de saudade, pode até ser que escape uma lágrima teimosinha… ️❤

E você, passou por alguma dessas situações?

Anúncios

O momento mais feliz da vida de uma mulher: o nascimento de um filho

Quando somos crianças, nós mulheres, sempre brincamos de ser “mãe”. Um instinto puro que nasce com cada ser do sexo feminino.
Passamos a adolescência com medo que isso aconteça de forma adiantada, e às vezes desenhamos até um mundo onde nada te “prenda”, e para isso não se pode ter filhos.

O tempo passa, fazemos a faculdade, trabalhamos, encontramos o amor da nossa vida e aí a etapa é planejar o casamento, comprar a casa, preparar o enxoval, que época gostosa!

E após o casamento, surge a necessidade de dar um passo na vida a dois, um passo de tamanha responsabilidade, que deixa você num misto de êxtase e medo. Medo do desconhecido. Será desconhecido mesmo? E o instinto que nasce com cada mulher?

No nosso caso, Pedro foi um bebê planejado e esperado com muito carinho, graças a Deus. Quando nos mudamos para nossa casa após casados já sentíamos a necessidade de sermos pais. E começamos a tentar… realmente o nosso tempo era o mesmo tempo de Deus, e logo na primeira tentativa eu fiquei grávida.

GRÁVIDA! Agora era pra valer. Eu ia me tornar mãe efetivamente após 9 meses!
Minha gravidez foi muito tranquila e abençoada e o Pedro nasceu com muita saúde no dia 13.02.15 às 07h50, de parto cesáreo na Maternidade Santa Joana em São Paulo.

Hoje ele está com 2 meses e 1 semana, e agora encontrei a necessidade de expor um pouco dessa aventura deliciosa com surpresas diárias que é ser mãe, especialmente de primeira viagem, onde tudo é novidade.

Aqui conversaremos sobre as minhas descobertas, dúvidas e evoluções de um bebê muito amado. Sejam bem vindas, mamães e futuras mamães! 🙂